terça-feira, 15 de setembro de 2009

Polícia apedrejada no Bairro do Aleixo

Os incidentes aconteceram junto à torre 1 do bairro do Aleixo, um dos principais pontos de tráfico de drogas da cidade.

Uma viatura de da PSP foi apedrejada, ao princípio da tarde de ontem, segunda-feira, junto ao bairro do Aleixo, no Porto, pouco depois de os polícias ter detido um morador por alegado tráfico de drogas duras. Não houve feridos.
Os incidentes aconteceram cerca das 14.20 horas, junto à torre 1 do bairro do Aleixo, um dos principais pontos de tráfico de drogas da cidade, durante uma "operação de prevenção", segundo fonte policial confirmou ao JN.
Um homem, de 35 anos, sem ocupação, foi visto a vender drogas na rua por elementos da investigação da PSP que decidiram prendê-lo. Como é norma neste tipo de operações no bairro, os investigadores têm por perto equipas de Intervenção Rápida que fornecem segurança adicional.
Foi precisamente uma das viaturas de transporte destas unidades que foi apedrejada. A pedra atingiu o pára-brisas, quebrando-o, mas sem causar ferimentos aos agentes que seguiam no interior. Outros projécteis do género atingiram a chaparia, provocando várias amolgadelas. Este tipo de viatura está equipado com grades de protecção dos vidros, que foram de imediato postas em posição.
O suspeito foi detido e levado para a esquadra. Já estava referenciado por tráfico e tinha em seu poder 16 doses de heroína e 123 de cocaína.
Nos últimos tempos, o bairro do Aleixo, cuja demolição está prevista, tem sido palco de vários episódios violentos, todos relacionados com o tráfico de drogas. Muitos deles têm acabado em agressões a a tiro, provocando feridos ligeiros.
Por vezes, os confrontos estendem-se a outros bairros da cidade, sempre tendo por fundo o tráfico de estupefacientes. Ainda no final de Agosto, no Bairro da Murteira, também no Porto, um carro foi alvejado com oito disparos. A Polícia atribuiu o episódio a rixas entre famílias rivais do Bairro do Aleixo.

Fonte: Jornal de Notícias

Nenhum comentário: